CINE FOTO VAZ

Endereço Tv Lauro Sodré, 534 Centro CEP: 68.458-880 Cidade Tucuruí – PA Telefone(s) Tel: (94) 3787-3078;  3787-1284 O CINE FOTO VAZ é uma empresa tradicional, completa e inovadora na Cidade de Tucuruí Estado do Pará. Com seus 31 anos de existência, vem proporcionando conforto, bem estar e comodidade para todos os seus clientes, os quais estão muito satisfeito com o serviço oferecido por nossa empresa. Nossa forma de trabalho é baseada na satisfação do nosso principal consumidor: Você! E é por isso que todo o dia temos uma promoção especial, aquela que melhor se adapta ao seu bolso! Nossa estoque de produto é amplo. Tudo isso para oferecer à você tudo o que procura. Cama mesa e banho, móveis, celulares, produtos para informática, camera digital, eletrodomésticos e MUITO MAIS. Se você ainda não conhece o CINE FOTO VAZ, ta esperando o que? Venha correndo até nossa loja e comprove que qualidade e preço baixo você só encontra aqui.

CINE FOTO VAZ 33 anos servindo você!

Cine Foto Vaz  fica na Av. Rua Lauro Sodré, 534 – Bairro: Centro – CEP: 68456-000 Tucuruí/PA PROPRIETÁRIO – Divino Evangelista Vaz 1621916_562016617227746_24704798_n 1530590_739119046100154_8442767_n  

DIVINO EVANGELISTA VAZ

Nasceu no interior de Minas Gerais a 50 km de Patos de Minas. Filho de familia humilde de lavradores, aos 14 anos terminou a escola primaria na roça, e foi para o seminário em Ouro Fino, Sul de Minas, estudar com os Padres Capuchinhos. Após tres anos volta para Patos de Minas, onde terminou o 1º grau em 1968. Um ano depois foi para Basilia onde morou por treze anos, passou grandes dificuldades longe da familia, mais a vontade de vencer era maior. 1001658_171220096389344_843624218_n ufu_patosmajorgote Em Brasilia constituiu familia e teve dois filhos. Em 1980 surgiu a oportunidade e vir para Tucuruí- como tinha um anseio de sair da cidade grande e viver numa cidade pequena, onde seu trabalho pudesse ser reconhecido pela sociedade, não perdeu tempo.

 OS  5  FILHOS  DE  DVAZ

62022_562014143894660_430117414_n-150x150DSC01905-150x150 1380231_531894890225834_1696393013_n1625656_494840343957609_462564966_n-150x1501098027_201405646695619_1235969611_n Em meados de 1980 nasceu o CINE FOTO VAZ, com apenas uma portinha em uma casa de madeira na então BR 422, cerca de 20 metros quadrados. Divino Vaz, abraçando esta oportunidade em abril de 1980, colocou toda sua mudança dentro de uma C -10, partiu rumo a Tucuruí, foram 04 dias de enfrentamento com estradas de chão, atoleiro, cheias do Rio Tocantins, onde passamos uma noite em Marabá, dormimos dentro do carro por falta de acomodação, mais chegamos a Tucuruí com medo e muitas esperanças. O Inicio não foi facil, trabalhavam  tres pessoas, e as fotos eram feitas a domicilio,quadros, posters, em 1984 mudou para Lauro Sodré, onde renasceram as esperanças, no centro da cidade, as obras estavam em pleno vapor, a cidade crescia para o lado de cima, as portas dos fornecedores começaram a  se abrir ede simples fotos, começou a comercialização de som e eletrodomesticos, Tucuruí naquela época era muito carente na oferta de todo tipo de produtos e tudo era muito caro. Baseados nessa carencia segurou com as mãos e braços essa causa, vender mais barato, visando o consumidor fazendo da Empresa um Ponto de Utilidade Pública, onde o consumidor pudesse encontrar quase tudo para atender as suas necessidades, com preços competitivos e boas condições de parcelamento. Encontrou o publico que almejava. Com o fim das obras da 1ª etapa da Usina Hidreletrica, houve grande evasão de pessoas e empresas comerciais, deixando a Cidade desabastecida de produtos diversos, abateu-se um desanimo no futuro de Tucuruí, e agora qual seria o destino? o que o povo vai fazer?? Divino Vaz, inspirado no grande potencial economico de região, com a emancipação de Breu Branco, Novo Repartimento e Goianesia, dedicou-se de corpo e alma na sua expansão comercial, procurando sempre buscar novos produtos do qual a cidade não dispunha. 1898245_366748130134573_1663374599_n 1098284_373787066097346_1016031907_n 1795509_373788439430542_298415748_n Nessa trajetoria de mais de 30 anos de dedicação e  respeito aos consumidores, implantaram a sua Marca,  graças  ao reconhecimento dos nossos clientes, amigos e fornecedores, e com o apoio dos colaboradores, hoje são uma Empresa sólida e respeitada para o orgulho da cidade e do proprietario Divino Evangelista Vaz. Das homenagens recebidas foi enredo de Samba da Escola Unidos de Tucuruí, do Carnaval 2011, onde a escola sagrou-se campeã. Considera-se tucuruiense de coração, todo seu investimento é dentro da cidade, não tem nenhum patrimonio fora de Tucuruí.

HOMENAGEM  ESCOLA DE SAMBA UNIDOS DE TUCURUÍ

DSC01440DSC014411-150x150 DSC01443DSC01442 IMAGENS DA ENTREVISTA CONCEDIDA AO MUSEU VIRTUAL EM DEZEMBRO DE 2013. 1621916_562016617227746_24704798_n 1618641_562019320560809_1666070703_n1535395_562017470560994_157158349_n

AMIGO DE TODAS AS HORAS

 1525628_476498615791782_1180143876_n155883_356519157824137_1266389523_n1546069_358906534252066_1952210901_n

Divino Vaz o Testemunho da História

"O futuro de Tucuruí está no turismo, basta saber buscar, e é preciso que essa decisão seja imediata. Que seja antes da conclusão das eclusas. O turismo é a maior economia do mundo, é uma economia saudável, e aqui podemos ter as eclusas como ponto principal de atração. Precismos explorar o turismo ecológico, o grande acervo de ilhas. Conheço muito bem o lago e suas belezas naturais a ser explorado. O turismo só deixa benefícios a comunidade. Pobre dos nossos filhos se não encontrarmos pessoas compromissadas com essa causa. Eu acredito em Tucuruí. Cheguei em Tucuruí em 1980, vindo de Brasilia. Vi a grande cheia e nunca esqueci o desespero dos operários na contenção da barragem, havia filas de caçamba descarregando pedras e ao longe se podia ouvir o som furioso das águas do Rio Tocantins dispostas a levar tudo o que encontravam pela frente. Hoje vejo que o futuro economico de Tucuruí está nesse mesmo rio, com suas aguas tranquilas represadas no grande lago". 
Fonte - Todas as informações foram dadas pelo próprio entrevistado Divino Vaz ao Museu Virtual de Tucuruí. Pesquisas feitas no Facebook e Revista Desafio dezembro 2007.